Buscar
  • Antonio Mário Bastos

Sonhando com seu sertão (início de publicação de poesias)




Para ela, sonhar o sertão foi viver com mais ardência!

Não aquela ardência do sol que caracteriza a razão de ser de uma região deste imenso Brasil, mas a ardência do amor à origem, aos dias de vida ali vividos ou ali vivendo.

Depois de receber uma boa quantidade de fotografias da minha amiga Stela Soares (stelasoares54 - Instagram), todas autorais e, algumas, de seus trabalhos em artes plásticas, decidi por escolher esta que originara a poesia que faço publicar, iniciando esta nova fase do meu blog.

A ambientação se dá no cercado frontal da Casa da Fazenda da Família Moreira da Cruz, nas terras sertanejas do Povoado de Melancia, Município de Nova Soure, Estado da Bahia.

Este é o início de publicações de textos poéticos.

Espero que gostem e interajam, comentando, criticando, sugerindo ou elogiando, pouco importa, qualquer deles há de ser um incentivo para que eu continue a produzir e publicar textos poéticos.


Tonho do Paiaiá

Imbassaí, 27 setembro 2020 – Dia dos Santos Gêmeos

32 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo